Publicidade
Publicidade

Conmebol define datas de jogos entre brasileiros na Sul-americana

Os clubes brasileiros classificados para a Copa Sul-americana deste ano já sabem quando entrarão em campo para disputar a primeira fase da competição. A etapa marcada pelos duelos entre times do mesmo país foi definida nesta quinta-feira com a divulgação da tabela oficial pela Conmebol. O primeiro confronto entre brasileiros será realizado no dia 31 […]

Os clubes brasileiros classificados para a Copa Sul-americana deste ano já sabem quando entrarão em campo para disputar a primeira fase da competição. A etapa marcada pelos duelos entre times do mesmo país foi definida nesta quinta-feira com a divulgação da tabela oficial pela Conmebol.

Publicidade

O primeiro confronto entre brasileiros será realizado no dia 31 de julho, entre Grêmio e Coritiba. Os paranaenses terão de recolher os cacos após a perda do título da Copa do Brasil para medir forças com o reforçado time de Vanderlei Luxemburgo. O primeiro jogo será disputado em Porto Alegre, enquanto o segundo terá mando de campo do clube alviverde.

Campeão da Copa do Brasil na última quarta-feira, o Palmeiras entrará em campo para encarar o Botafogo no dia 1de agosto. O time carioca provavelmente estará com o holandês Seedorf em campo e tentará desbancar o seu adversário para seguir no torneio. A partida de volta será realizada no Rio de Janeiro, no dia 22 do mesmo mês.

Publicidade

No mesmo dia, o São Paulo tentará esquecer as seguidas decepções deste ano e iniciar a sua caminhada rumo a um título de expressão. O Tricolor enfrentará o Bahia, fora de casa, e decidirá a vaga no dia 21 de agosto. A tendência é que as partidas sejam realizadas em Pituaçu e no Morumbi, mas a Conmebol ainda não garantiu os locais.

Por fim, Atlético-GO e Figueirense entrarão em campo para decidir a última vaga destinada a times nacionais. O Dragão receberá seu adversário no mesmo 1de agosto, enquanto o segundo duelo entre os dois times será realizado no dia 23.

O único clube entre os 47 classificados que não precisará passar por esta etapa da competição é a Universidad de Chile, campeã da última edição da Copa Sul-americana. Eliminada pelo Boca Juniors nas semifinais da Libertadores deste ano, a La U já está garantida nas as oitavas de final e buscará o bicampeonato para apagar o fracasso na disputa do torneio mais importante da América.

Publicidade
Continua após a publicidade

Publicidade