Publicidade
Publicidade

Luis Álvaro é reeleito com folga e segue na presidência do Santos

Eleito presidente do Santos em dezembro de 2009, Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro vai permanecer no cargo até 2014. Nas eleições deste sábado, ele derrotou o oposicionista Reinaldo Guerreiro, da chapa ‘Santos Sempre Santos’, com muita folga: dos 3.889 votos registrados, 3.365 (87%) foram para o atual mandatário e apenas 503 (13%) para seu adversário. […]

Eleito presidente do Santos em dezembro de 2009, Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro vai permanecer no cargo até 2014. Nas eleições deste sábado, ele derrotou o oposicionista Reinaldo Guerreiro, da chapa ‘Santos Sempre Santos’, com muita folga: dos 3.889 votos registrados, 3.365 (87%) foram para o atual mandatário e apenas 503 (13%) para seu adversário.

Publicidade

A porcentagem dá todas as cadeiras do Conselho Deliberativo do Peixe à chapa ‘Crescendo 100 Parar’, liderada por Luis Álvaro, que ganhou popularidade por causa dos títulos conquistados e pela manutenção de Neymar na Vila Belmiro.

O clima da votação foi tranquilo, ao contrário dos últimos pleitos. Além do Salão de Mármore da Vila Belmiro, desta vez os associados puderam votar também na sede da Federação Paulista de Futebol (FPF), em São Paulo, onde a vitória de Luis Álvaro também foi esmagadora: 838 votos contra 32 de Guerreiro.Aos 68 anos, o presidente foi responsável pela engenharia financeira que trouxe Robinho de volta ao clube no início do ano passado para conquistar os títulos do Campeonato Paulista e da Copa do Brasil ao lado de Neymar e Ganso, que acabavam de explodir no futebol.

Publicidade

A pior fase do time na gestão de ‘Laor’ no segundo semestre de 2010. Com Robinho de volta ao Milan, ele precisou agir para resolver um atrito entre Neymar e Dorival Júnior e acabou optando por demitir o treinador. Adilson Batista foi contratado e não conseguiu ter resultados no início da temporada. Foi aí que Muricy Ramalho foi contratado para colocar o Peixe de novo nos trilhos e conquistar outra vez o Paulistão, além da Libertadores.

Luis Álvaro se notabiliza pelo esforço em manter no Brasil seus maiores craques. Neymar reformou seu contrato recentemente e garante que ficará no Peixe até meados de 2014. Ganso, por sua vez, ainda negocia a ampliação de seu vínculo.

Continua após a publicidade

Publicidade